Buquê no Festival Internacional de Artes de Brasília – FESTIARTE

Postado em

  • Margaridas Dança apresenta Buquê
    no FESTIVAL INTERNACIONAL DE ARTES DE BRASÍLIA
    na sala Martins Penna, TNCS
    dia 1º de fevereiro, quarta, às 21h
    entrada GRATUITA

    Margaridas Dança que foi criado em 2004, estreou sua primeira performance no Curto Circuito de Poesia (Brasília, DF) objetiva pesquisar, produzir e divulgar criações desenvolvidas a partir das linguagens da dança, literatura, música, videodança e performance.

    Desde lá foram seis montagens: 2004, “Perto do Coração Selvagem”- textos de Clarice Lispector, Simone Beauvoir e Virginia Woolf ; 2005, “Campo de Flores” – sobre os poemas de Carlos Drummond de Andrade; 2006, “Tu não te Moves de Ti” – inspirado no romance-tese de Hilda Hilst; 2007, “RAINHA” – sobre poemas de escritoras negras nacionais e estrangeiras; 2008, “Samambaia” – sobre os poemas de Elizabeth Bishop e mais 3 videodanças: 2009 “Retina” , 2010 “Abs – S3 – x0, eixo monumental dos prazeres, saída sorte e em 2011, o 3º videodança da série Pequenas Criaturas”.

    O Margaridas Dança estreou em outubro de 2011, o espetáculo Buquê, baseado em livro homônimo da sua coreógrafa, diretora, bailarina e escritora, Laura Virgínia. Como é característica do grupo usar tanto da obra literária quanto da biografia como inspiração na criação dos espetáculos, em Buquê não é diferente.

    A própria diretora se atualiza em cena numa retrospectiva autobiográfica utilizando estéticas presentes na sua carreira: balé clássico, moderno, contemporâneo e até jazz. A mistura divertida desses elementos foi elaborada afim de criar uma estética própria – uma dança-kitsch.

    Também fragmentos de outros espetáculos “Tu não de moves de Ti”, “Samambaia”e o videodança “Abs8- S3-x0” – foram incorporados à coreografia, de maneira quase imperceptível ao espectador.

    Em Buquê, o público se depara com quatro momentos trazidos originalmente do livro para o palco. São aromas poéticos representados no espetáculo por estados energéticos distintos: fúria, prazer, leveza, alegria, paixão e amor. Cores, poemas, música, coreografia, figurinos transmitem emoções mescladas com a palavra propriamente dita.

    A ideia do espetáculo surgiu em comemorar os 20 de carreira da coreógrafa Laura Virgínia, num espetáculo onde mostrasse essa característica multimídia inquieta e apaixonada da diretora.

    O espetáculo Buquê obteve patrocínio do FAC – fundo de apoio à cultura da secretaria de cultura do DF , apoiado pelo CDPDAN – coletivo de documentação e pesquisa em Dança “Eros Volúsia”- Ida/CEN/UnB, Armazém dos Biscoitos e foi agraciado com o prêmio FUNARTE Klauss Vianna para Circulação do espetáculo em: Belém, Recife, João Pessoa, Goiânia e Rio de Janeiro no ano de 2012

    https://margaridasdanca.wordpress.com/
    https://www.facebook.com/pages/Margaridas-Dança/177284348978611
    http://www.youtube.com/user/lvmargaridas

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s